segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

fausto_FAUSTO SUZUKI, poeta

Todos os problemas que você causa,

Todas as pessoas que você machuca,

São todos, tudo em você.

Quando houver revolta,

Quando houver revide,

Não vai adiantar as dezenas de trancas,

Na sua porta,

Na sua cabeça,

No seu ouvido,

Na sua alma,

Pois você nunca vai correr mais que si,

Pois sempre você vai ser pior que si,

Pois sempre vai sentir inveja de si,

Pois nunca vai conseguir ser totalmente si.

( Você tenta, mas não consegue se tocar )

E os problemas causados irão te atrasar,

E os machucados irão supurar,

E então,

Você vai querer fugir de si,

Como numa mitose,

Num eu novo,

Zero quilômetro,

Pronto para novos problemas,

Para novos machucados.

Postar um comentário